submarino

domingo, 22 de setembro de 2013

Diário de uma Paixão

Publicado em 1999 nos EUA pela Editora Grana Central Publishings com o titulo The Notebook, Nicholas Sparks conta o romance de Noah, um homem vitima de AVC que todas as noites ler a historia de um casal de namorados para uma mulher na casa de apoio onde vive. 

Em 2004, o livro inspira o filme Diário de uma Paixão,  Dirigido por Nick Cassavetes e com Ryan Gosling, Rachel McAdams, James Garner nos papeis principais. Em breve estarei comentando esse filme aqui no blog.
 .
Quatorze anos depois de publicado nos EUA, chega ao Brasil, publicado pela Editora Novo Conceito em 2010 intitulado Diário de uma Paixão.

"Não sou nada especial; disso estou certo. Sou um homem comum, com pensamentos comuns, e vivi uma vida comum. Não há monumentos dedicados a mim e o meu nome em breve será esquecido, mas amei outra pessoa com toda a minha alma e coração e, para mim, isso sempre bastou."

É assim que o já idoso Noah Calhoun difine o que já vieu no passado. O grande amor da sua vida. Vivido em um verão, muitos tempos atras. Hoje, morando em uma casa de repouso, ele conta sua historia para os outro moradores, e principalmente para uma idosa que sofre com Mal de Parkinson.

O romance começa no início de outubro de 1946 quando dois adolescentes de 17 e 15 anos, Noah Calhoun e Allison Nelson, se conhecem e se apaixonam perdidamente. O primeiro amor é sempre o mais lembrando. O primeiro amor também é o mais verdadeiro. Tudo parece perfeito, quando a família de Allie a impede de continuar a vê-lo devido a enorme diferença de classe social.


Noah, um jovem de família pobre, Allison, de uma família de boa reputação e nome. Os dois se veem em um grande romance, as diferenças sociais os separam. A família  da moça julga que o rapaz não é o homem perfeito pra ela. Dai separam os dois para sempre. Porem o destino brinca mais uma vez com a vida dos personagens de Nicholas Sparks. O casal, luta para levar uma vida normal, mesmo estando distantes.  Até que um artigo de jornal muda tudo e reacende um amor há 14 anos adormecido.

Allie está prestes a se casar com um grande advogado e de muito sucesso, mas antes, decide se reencontrar com Noah, apenas para se despedir definitivamente. Quando volta a Nova Berna e se encontra com seu antigo romance, as lembranças do amor vivido no  passado retorna com uma força avassaladora, capaz de mudar os planos de qualquer pessoa.

Noah  e Allie  se reapaixonam, e logo os dois começam a relembrar os tempos antigos, e se entregam a um romance como no verão em que se conheceram. Mas, o passado que os afastou retorna mais uma vez para tentar separa-los definitivamente.

Uma coisa que não agrada é a rapidez dos acontecimentos narrados - bastante rápido - uma noite apenas. O livro se resume apenas algumas cenas, quase são apenas dois dias em que toda a história se passa, sem contar com o primeiro e o último capítulo que se passam nos anos de 1999. Não considero um ponto negativo, é que achei o livro de repente demais, mesmo eu tenho gostado muito.
 
O ponto positivo, pois o romance entre Noah e Allie é real e verdadeiro, e não algo surreal e meloso demais. O ponto que mais agrada no texto é a cena onde o casal tem relações sexuais pela primeira vez. Sparks tem o dom de fazer cenas de amor tão lindas, ao mesmo tempo sensuais e sem vulgaridades...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...